Voltar

Subestrutura K2 no primeiro sistema solar flutuante do mundo nas montanhas

Vale a pena saber

  • Local: reservatório ‘Lac des Toules’, Suíça
  • Altitude: 1.810 m.a.s.l.
  • Condições do vento: vento com 120 km/h
  • Condições meteorológicas: até -30°C e 60 cm de gelo no inverno
  • Início da construção: primavera de 2019
  • Conclusão: Dezembro de 2019
  • Expansão (2021): parque solar de 10 MW
  • Potência: 800 MWh / consumo anual de cerca de 220 lares
  • Sistema: construção especial
  • Número de módulos: 1.400 módulos bifaciais
  • Área do módulo: 2.240 m²
  • Número de bóias flutuantes: 36 bóias flutuantes
  • Investimento: 2,4 milhões de francos suíços
  • Parceiros: Romande Energie, Escritório Federal Suíço de Energia, ABB

Impressões da Romande Energie SA

O projeto é a primeira usina solar flutuante do mundo nas montanhas em um reservatório que é esvaziado uma vez por ano.
O projeto é a primeira usina solar flutuante do mundo nas montanhas em um reservatório que é esvaziado uma vez por ano.
 

A nossa equipa está disponível para o ajudar no seu próximo planejamento de projeto. Basta ligar-nos!

Voltar

Voltar